23 de janeiro de 2017

Como deixar de ser solitário nas férias

Verão, férias, praia, diversão e solidão. Opa, solidão? Isso mesmo, tem pessoas que tem um bom emprego, tem férias, e mesmo assim nesse período de descanso não se divertem por estarem, ou sentirem solidão. A pessoa solitária vive um sentimento de desamparo, angústia, bem como pensamentos contraditórios. Ao mesmo tempo que deseja uma companhia, tem vergonha de olhar os demais e também não quer ser visto ou reconhecido como um solitário, portanto evita encontrar as pessoas. Nada mais contraditório que isso: deseja a presença do outro e promove a solidão.

16 de janeiro de 2017

A busca pelo corpo perfeito.

  A busca pelo corpo perfeito
Você quer ter um corpo magro, com músculos tonificados, boa resistência física, elasticidade muscular, um corpo “perfeito”, bonito e sentir orgulho de ser assim? Não tem nenhum problema. Se é isso que você quer ser, se dedique a isso! Mas tome o cuidado de não perder o equilíbrio da vida. O corpo não pode ser o único referencial seu em relação aos outros, é fundamental que não te vejam apenas como um corpo bonito, mas alguém com vários predicados e também com um corpo sarado. Atendi pacientes que buscaram um corpo malhado para ser aceito e desejado pelo outro, mas perderam o equilíbrio da vida e colocaram a dieta e o treino no centro das suas relações: quando saíam não comiam para não engordar, queriam voltar cedo para correr no outro dia, não conseguiam conversar que não fosse em relação aos treinos.

10 de janeiro de 2017

Projeto verão: trabalhando a autoestima

 Projeto Verão
O verão é a estação do ano que mais favorece o corpo ficar a mostra aos outros e quando o mesmo não está dentro do esperado a si próprio e a imagem que “acha” que os outros esperavam para lhe aceitar ou desejar, surge a vergonha (não gostaria que o outro me visse dessa forma) e a ansiedade (de querer resolver seus problemas instantaneamente). Este fenômeno ocorre quando a pessoa elege o corpo como referencial da autoestima. Mas como fazer diferente? Primeiramente, vamos sair do pressuposto que acima do pescoço tem uma cabeça que reflete, percebe o mundo, sonha e possibilita a ela e o resto do corpo se emocionar.


2 de janeiro de 2017

Como colocar em prática o planejamento

 Como colocar em prática o planejamento
No artigo anterior “Dicas de metas realizáveis” vimos como transformar o desejo em META e como ela deve ser desdobrada em pelo menos dois indicadores, pois é dessa forma que é possível acompanhar e corrigir quando necessário. Mas isto não é suficiente para garantir que vá se concretizar, é preciso construir um planejamento. Segue as principais dicas.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...