8 de fevereiro de 2017

Como conquistar um grande amor – Lição 1 – Comprometimento

 Como conquistar um grande amor - Comprometimento
Criei esta série de artigos e vídeos para trabalhar a conquista e manutenção do amor numa relação de longo prazo. Falarei das iniciativas a serem tomadas durante o relacionamento, visando perdurar acesa a chama da paixão, e cuidados para manter os comportamentos de conquistas do início do namoro por toda a vida. Começarei pela base do relacionamento, que é o comprometimento. Quando novo, aprendi a diferença de envolvimento e comprometimento, por meio de uma receita de omelete de bacon. Os ingredientes são fatias de bacon, que uma vez colocadas na frigideira, soltarão o óleo para fritar os ovos. E, para termos o bacon e os ovos, precisamos da galinha e do porco. Diz-se que a galinha está envolvida no processo da confecção do omelete, pois ela cedeu os ovos, caso não fique bom, ela pode ceder mais ovos. Porém o porco está comprometido, pois ele deu sua vida para ceder o bacon. No amor a mesma coisa, se você investe numa pessoa apenas porque ela é legal, uma boa companhia, e não há amor, esse relacionamento dura, mas ele será morno, e as malas sempre estarão prontas para um dos dois ir embora quando lhe convier. No entanto, para conquistar e manter um amor é necessário se comprometer, saber que irá perder se der errado, mas ganhará muito ao perceber que ama e é amado, e pode contar com o outro na realização dos seus projetos de vida. Mas o que é comprometimento na relação amorosa?

É conversar muito com quem se está relacionando, é deixar claro seu ponto de vista, ser sincero, estar disposto a conquistar em conjunto seus projetos e querer enfrentar as dificuldades quando a vida impõe e, principalmente, não ser a origem dos problemas do casal.

Ser comprometido é manter o carinho e as carícias todos os dias. Não deixar os afazeres da vida soterrarem o beijo de bom dia, o abraço de despedida tão comum no início de namoro. Se comprometer no relacionamento é cuidar do corpo, da saúde, é manter a educação, o respeito, pois é o que você fazia no início do namoro. Num primeiro encontro, os dois são cuidadosos consigo e com o outro, mostram o que tem de melhor, e isso é fundamental de manter diariamente para o resto da vida. E é fácil. Difícil é conviver num ambiente de indiferença, desentendimentos, reclamações, grosserias e, ainda, escutar que relacionamento de longo prazo é isso mesmo, que a paixão termina e ficam os afazeres. Difícil é não cuidar do corpo, da saúde, relaxar com os cuidados pessoais, com as roupas, reclamar que a frequência do sexo diminuiu e tentar se convencer que isso é normal. Se você acha que estou errado? Olhe para quem se separou quando se encontrava nessa situação. Em três meses emagrecem, passam a cuidar da roupa, cabelo e, quando conhecem novas pessoas, comportam-se com educação e são cuidadosas. Fica a dica: namore eternamente, mesmo casado.

Psicólogo Flávio Melo Ribeiro
CRP12/00449


A Viver – Atividades em Psicologia desenvolveu programas psicoterapêuticos que possibilitam ser trabalhados em grupos e individual.
flavioviver@gmail.com (48) 9921-8811 (48) 3223-4386
Página no Facebook: Viver – Atividades em Psicologia

Canal no Youtube: Flávio Melo Ribeiro

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...